Ministério Público de Pernambuco
Ministério Público de Pernambuco
 

Destaques do MPPE

08/07/2019 - O Laboratório de Inovações Tecnológicas e de Negócio do Ministério Público de Pernambuco (MPLabs) iniciou, nesta segunda-feira (8), o segundo ciclo para encontrar soluções em inovação. Membros e servidores do MPPE passaram o dia imersos no Workshop de Definição de Desafios, cujo objetivo foi encontrar e formatar dificuldades vividas no cotidiano ministerial, após analisá-las de forma coletiva e colaborativa, com empatia, clareza e profundidade. O evento ocorreu no espaço Porto Mídia, no Bairro do Recife.
 
A partir do Mapa Estratégico Institucional 2019-2023 e da Arquitetura de Negócios estabelecida no projeto de Arquitetura Corporativa, os temas gerais estabelecidos para a definição dos desafios no 2º Ciclo de Inovação foram: Educação; Infância; Extra-judicial Criminal (Investigação); Extrajudicial Criminal (Não Persecução Penal); e Patrimônio Público.
 
A metodologia do evento foi baseada em design de serviços e técnicas criativas de ideação e problematização, promovendo a colaboração entre os participantes. “Trata-se de mais uma etapa em que o MPLabs avança em busca de produtos de inovação para facilitar o dia a dia do trabalho institucional em prol da sociedade”, afirmou o secretário-geral do MPPE, Maviael Souza.
 
O próximo passo é fazer uma curadoria e apresentar os desafios eleitos ao ecossistema de empresas e startups do Porto Digital. Daí, os interessados se apresentam e apontam suas ideias de inovação para solucionar os problemas descritos pelos integrantes do MPPE. "O evento do segundo ciclo foi bastante produtivo. Tivemos ricas discussões a fim de problematizar situações do cotidiano do Ministério Público e selecionamos cinco áreas para destinar o investimento de tecnologia. Vamos refinar essa discussão nos próximos encontros a fim de que as problemáticas sejam apresentadas ao ecossistema de inovação", disse o promotor de Justiça e presidente do Comitê Estratégico de Tecnologia da Informação do MPPE (Ceti), Antônio Rolemberg.
 
“O nosso trabalho hoje não foi solucionar os problemas, mas elencar os que decidimos como maiores entraves ao trabalho nos temas predefinidos. Em nosso contato futuro com o ecossistema do Porto Digital, eles serão avaliados de acordo com o potencial de mercado”, comentou o coordenador-executivo do MPLabs, Roberto Arteiro.
 
Segundo Clarissa Soter, designer em artefatos digitais, que coordenou a imersão dos integrantes do MPPE no Porto Mídia, a inovação deve somar o pensamento criativo com controles e métricas, mas também dentro da perspectiva de empatia pelos problemas humanos. “Procuramos soluções que funcionem a longo prazo, por isso, o trabalho tem que ser maduro, objetivo e criterioso”, pontuou ela.
 
O Voxia, um dos produtos gerados e entregues no primeiro ciclo de soluções de inovação do MPLabs, já desperta o interesse de diversas instituições pelo Brasil, sendo testado no Câmara dos Deputados e no Senado, em Brasília. Trata-se de uma ferramenta que torna possível proceder a transcrição de vídeo audiências, a disponibilização do texto da transcrição editável e uma nuvem de palavras interessantes e relativas a um dado processo. Assim, não é mais necessário assistir a várias audiências por horas seguidas, procurando declaração ou depoimento. Ideal para apontar sentidos e contextos de frases ditas em depoimentos.
 
Galeria de fotos:

2º ciclo de inovação do MPLabs

Destaques Notícias


Veja todas as Notícias
Diário Oficial
Diário Oficial
Diário Oficial
Consulta de Licitações
publicidade consulta licitação
Consulta de Licitações
Consulta Processual
publicidade consulta processual
Consulta Processual
Publicidade Ouvidoria2
Publicidade Ouvidoria2
Publicidade Transparência SIC
Publicidade Transparência SIC
Portal SEI!
Portal SEI!
Ministério Público de Pernambuco
Ministério Público de Pernambuco